banner

Alfa Romeo | "Tudo ou nada" em 2016

segunda-feira, 30 de maio de 2016

O novo Alfa Romeo Giulia é "tudo ou nada", para o modelo em si como para o futuro da própria marca, segundo Harald Wester, Chief Technology Officer da Fiat Chrysler Automobiles.

Giulia 1As esperenças de um regresso da Alfa dependem do Giulia, um rival do BMW serie 3, que começará a ser vendido na Europa no proximo mês. Trata-se do primeiro de 8 modelos planeados pela marca e o primeiro a utilizar a nova arquitetura Giorgio de tração traseira.
"A credibilidade do programa depende deste carro" acrescentou Wester num evento destinado à imprensa que serviu para apresentar o Giulia ao media, em Balocco no norte de Italia.
A FCA investiu mais de 1 Bilião de euros (mil milhões) para desenvolver a sua arquitetura e poderá gastar muitos mais para desenvolver o resto da nova gama Alfa Romeo. A Alfa Romeo espera vender mais de 100 000 Giulia em todo o mundo em 2017, que será o seu 1º ano completo dGiulia-Backe vendas. O Giulia será vendido com um motor 2 litros a gasolina e um 2.2 a diesel que será comercializado na Europa ao que se soma a versão de alta performance, Quadrifoglio que virá equipada com um motor de origem Ferrari com 2 turbos V6 de 510 hp. A Alfa Romeo atrasou o lançamento deste carro para garantir que seria capaz de competir seriamente com rivais como a BMW, Audi e Mercedes. O CEO da FCA, Sergio Marchionne disse em Março no Salão Automóvel de Genebra que "que o projeto era tecnicamente imaturo" e que " só avançaremos quando estivermos ao nível dos Alemães, de outra forma, é um esforço inglório" Giulia-InteriorSegundo Wester "não foi permitido nada abaixo da perfeição" durante o desenvolvimento do carro. O Giulia em Itália irá custar 35 500 euros. O ressurgimento da Alfa foi adiado em Janeiro, quando Marchionne recalendarizou .o objetivo de completar a expansão de toda a gama da marca que estava definido para 2020. Também foi abandonado o objetivo de quadruplicar as vendas da marca para 400 000 unidades. Marchionne admitiu que o Giulia, que será (espera-se) seguido pelo 1º SUV da marca e por um 3º modelo no final de 2017, não foi um "parto fácil".   Todos os apreciadores de automóveis desejam um regresso em grande de uma das marcas com mais história e mística no mundo motorizado. Fonte: Automotive News Europe
Copyright © 2023 Lscautomoveis.pt.
Made with by Webhouse.pt
Este website usa cookies para melhorar a navegação dos nossos utilizadores. Ao navegar no site está a consentir a sua utilização. Fechar ou Saber Mais